quinta-feira, 3 de março de 2011

Qual é o melhor sistema operacional: Windows ou Linux?

Qual o melhor sistema operacional: Windows ou Linux?

Quem nunca viu uma ferrenha discussão de usuários sobre qual o melhor sistema operacional? E quando o assunto é Windows contra Linux, essa disputa se torna ainda mais acirrada. Diversos usuários enfrentam-se diariamente em fóruns e conversas do assunto. Os tópicos são os mais diversos, mas argumentos que sempre entram na briga são o preço, código aberto e liberdade de uso do Linux, contra a facilidade de uso, maior quantidade de programas e popularidade do Windows. Abaixo dois usuários ferrenhos que vão defender seus pontos de vista expondo os motivos que os levam a gostar mais de um sistema ou outro:

Publicidade

Conhecendo os lutadores

O tradicional símbolo do Windows.No canto direito, com o símbolo representando uma de suas principais inovações: o Windows. Lançado no mercado no ano de 1985 com o nome de Windows 1.0, desde a primeira versão, o sistema operacional da Microsoft trouxe para o usuário a possibilidade de uso do mouse (e o próprio acessório inclusive), a abertura de mais de um programa ao mesmo tempo (multitarefa) e uma interface colorida, com ícones e janelas.


O simpático TuxNo canto esquerdo, adotando um simpático pinguim como símbolo e representando a liberdade de uso e distribuição: o Linux. A primeira distribuição tinha o nome de Linux 0.01 e foi lançada em setembro de 1991. Ela trouxe a possibilidade de qualquer usuário fazer alterações em seu código fonte e adaptá-lo às suas necessidades, bem como o direito de redistribuir sua versão.

O Linux tem ao seu lado toda uma comunidade de desenvolvedores para efetuar adaptações e melhorias no sistema além de distribuições para todos os gostos e necessidades.

Round 1: instalação

Só um técnico consegue instalar o Linux.Quando os computadores pessoais começaram a se tornar relativamente populares, não sendo somente um privilégio de grandes instituições o Windows sempre contou com suporte ao usuário para o processo de instalação. Mais especificamente a partir do Windows 95, que já era uma versão mais popular do SO, mesmo utilizando vários disquetes para instalação, o processo era guiado na tela para o usuário.

As etapas contam com instruções sobre a operação e, nas versões a partir do XP, quase tudo é completamente feito na interface gráfica. Há uma previsão do tempo que será necessário para completar o processo e o progresso é exibido à medida que etapas são avançadas. Inclusive a Microsoft oferece algumas dicas exibidas na tela durante a instalação, de forma a fornecer de antemão uma prévia da ambientação que é encontrada pelo usuário no final do processo.

Talvez o Linux quando foi criado fosse difícil de instalar, hoje é facilmente instalado a partir de um CD, como o Windows.Já nos primórdios do Linux, sua instalação realmente era um processo deveras complexo. Ainda mais se o usuário possuía alguns componentes de hardware “diferentes do padrão” ou produtos com dispositivos fechados (algumas empresas faziam “pacotes” de hardware com drivers muito específicos). Entretanto, hoje a realidade é completamente diferente.

Grande parte das distribuições do Linux são instaladas a partir de um CD de forma simples e rápida, assim como é no Windows. Ele também possui uma barra de progresso para informar ao usuário o andamento do processo que, diferente do Windows, costuma ser bem rápido.


Round 2: drivers básicos

Ao instalar o Linux ele já vem com os drivers básicos para o uso, você não precisa ficar procurando ou guardando CDs com isso.Realmente, ao terminar de instalar uma distribuição do Linux, você já possui todas as ferramentas básicas para o uso, sem ter aquele frequente problema de sair atrás de CDs com drivers e programas para começar a montar seu ambiente de trabalho.

O Windows costumava terminar a instalação completamente “cru”, fazendo-nos ir atrás das caixinhas de CDs para os dispositivos. Entretanto, com o lançamento do Windows 7, a Microsoft já deu uma boa melhorada nesse aspecto.

Agora, ao instalar o Windows 7, ele possui um recurso que procura os drivers para o usuário na Internet.Agora, após a instalação, o Windows possui um recurso que reconhece os dispositivos presentes no computador e faz a busca dos drivers para o usuário. Ainda assim alguns podem não ser reconhecidos ou encontrados. Em outros casos, por se tratar de uma versão relativamente recente, pode ainda não ser oferecido um driver compatível.


Round 3: inicialização

O Windows demora muito mais do que o Linux para ser inicializado.O processo de inicialização do Linux é muito rápido, mesmo que já tenha se passado algum tempo depois da instalação do SO. Além disso, iniciado o sistema, você já pode usar, não precisa esperar mais tempo por isso.

Apenas as versões mais antigas do Windows tinham problema com a inicialização. Hoje o Windows efetua a inicialização de forma bem eficiente.As versões mais antigas do Windows demoravam um tempo considerável no processo de boot e inicialização depois de passado certo tempo de sua instalação. Nesse quesito, o Windows 7 já se mostra bem mais eficiente, inicializando em um período mais curto de tempo do que seus antecessores.


Round 4: utilização

Desde a primeira versão oficial lançada no mercado de software, o Windows trouxe algumas das maiores inovações para os computadores pessoais: a interface gráfica e os periféricos. Os desenvolvedores do SO apostaram na praticidade para o usuário como forma de difusão e popularização do Windows.


O Linux é difícil de usar.O ambiente encontrado era composto por janelas e menus interativos que atendiam aos comandos do usuário por meio de um periférico (mouse). Além disso, era possível criar ícones e assim ter atalhos para os programas mais utilizados na Área de trabalho.

Windows: interface gráfica desde o início e cada vez mais elegante.
Windows: interface gráfica desde o início e cada vez mais elegante

A parte gráfica (de interação usuário-sistema), até hoje é uma das maiores preocupações do Windows e recebe cada vez mais melhorias sem pecar em nada na aparência, que se torna cada vez mais moderna e elegante.

Hoje o Linux possui interface e sistema de menus.Se você nunca utilizou o Linux e pensa nele como uma telinha preta cheia de letras em verde ou branco, está com uma imagem antiga do sistema. Atualmente, a maior parte das distribuições do Linux e, certamente todas as mais comuns, possui interface gráfica e sistema de menus, assim como o ambiente de Área de trabalho também permite colocação de ícones como forma de atalho.

Interface gráfica do Linux: tão eficiente quanto a do Windows.
Interface gráfica do Linux: tão eficiente quanto a do Windows

Além disso, de uma forma geral as informações pessoais do usuário são portáteis no Linux. Caso você precise mudar de distribuição, basta copiar alguns dados da pasta local (“Home”) e copiar na nova distribuição para que todas as suas configurações de usuário sejam mantidas.


Round 5: facilidade para localizar e instalar programas

Em tempos remotos, quando você queria instalar um programa para o Linux, dependendo do que fosse, era bom se preparar para o pior. Com a popularização da internet isso foi parcialmente resolvido, pois você podia procurá-los online e de diferentes fontes.

O Linux possui uma central para loclizar programas e basta um clique para instalá-los.Hoje, algumas distribuições do Linux contam com uma central própria de software. Após o acesso, basta efetuar a busca pelo programa (por nome ou categoria) e instalá-lo a partir da mesma interface, com apenas um clique. Como nem tudo é perfeito, entretanto, existem programas que não estão disponíveis na central.

Central de softwares do Ubuntu.
Central de softwares do Ubuntu

Com o Windows, é tudo meio à moda antiga: é preciso procurar o programa, baixar e instalar ou executar a instalação a partir de uma mídia disponível. Entretanto, normalmente não há qualquer dificuldade para encontrar aquele que você quer disponível para o SO.

Os programas para Windows normalmente são fáceis de achar e instalar, pois eles contam com instalador wizard.Adicionalmente as instalações costumam ser fáceis e contam com instaladores que guiam o usuário durante todo o processo.


Round 6: programas e compatibilidade

Praticamente o único momento no qual você tem sérias dificuldades com relação à compatibilidade de software para o Windows é logo que uma versão nova do SO foi lançada. No caso do Windows 7, mesmo no momento de seu lançamento já havia uma grande quantidade de programas adaptados e desenvolvidos para ele.

O Windows possu maior compatibilidade de softwares.Nesse quesito, não há discussão: como a maioria dos usuários de computador utiliza o Windows, as empresas se preocupam em lançar programas que sejam compatíveis com o sistema. Isso é ainda mais perceptível com relação aos jogos, muitos deles sequer oferecem versões para serem executados em outras plataformas.

Dizer que o Linux não tem compatibilidade com programas é o maior argumento dos defensores ferrenhos do SO da Microsoft, porém a realidade já é outra. Como o Linux tem uma grande comunidade de desenvolvedores envolvidos, atualmente há sempre alguém disposto a atualizar ou desenvolver versões de programas para ele.

Hoje vários programas já possuem versão para o Linux, pois sempre há programadores dispostos a adaptá-los.Não se pode mais dizer que faltam programas ou variedade deles para o Linux, embora alguns permaneçam apenas com versões inferiores às existentes para o Windows. Entretanto, o grande calcanhar de Aquiles do SO são os jogos, os quais se possuem pouco ou nenhum suporte e alguns sequer contam com uma versão para o Linux.


Round 7: Personalização

Linux é altamente personalizável.Absolutamente qualquer coisa pode ser alterada na interface do Linux. De um mero papel de parede ao lugar nos quais os botões são mostrados em uma janela. Se você gosta de efeitos, o Linux também dá um show à parte com suas janelas “maleáveis”, múltiplas Áreas de trabalho que podem ser abertas lado a lado, em cubo, estilo “coverflow”, entre várias outras possibilidades.

Nesse aspecto, o Windows é mais engessado. Até o Vista, mesmo trocar seu tema para um que não fosse oficial era um processo penoso. E, além disso, não havia qualquer certeza de que realmente fosse dar tudo certo no final.

O Windows 7 já conta com diversos temas e skins para usuário.O Windows 7 trouxe uma grande inovação neste aspecto, com temas que podem ser instalados a partir de poucos cliques e sem sofrimentos. Além disso, eles são automaticamente configurados, dispensando processos manuais de troca. Mesmo temas de terceiros estão apresentando mais compatibilidade e processos menos frustrantes de configuração.


Round 8: segurança e infecções

Você já ouviu alguém falando que pegou vírus no Linux? Após tentar puxar pelas lembranças, deve ter constatado que isso quase nunca ocorre. Existe uma quantidade ínfima de vírus para o SO e, ainda assim, não haveria um que fosse capaz de infectar tanto o Linux quanto acontece com o Windows. Isso ocorre por vários motivos, um deles é o fato de o Linux ter código aberto e várias pessoas arrumando problemas.

O Windows não é seguro e vive com problemas de vírus e outras pragas virtuais.Isso contribui para que ele apresente um número muito menor de falhas de segurança, o que significa menos brechas a ser exploradas. Outro fato é que o grande alvo de quem desenvolve softwares maliciosos são os usuários e, como o Linux tem menos usuários, torna-se menos atrativo para os criminosos virtuais.

Quase não existe vírus para Linux.Além dos fatores citados acima, a política de segurança do Linux é um grande diferencial: os programas são executados em modo de usuário e não de administrador. Assim, se acontecesse de um usuário pegar vírus, este não se espalharia pelo sistema, afetando apenas os programas que o próprio usuário instalou na pasta “Home” (na pior das hipóteses), enquanto o sistema permanece intacto.

Uma infecção assim é muito mais fácil de ser eliminada e os danos são irrelevantes. Isso levado em conta, não é difícil imaginar por que a criação de vírus para o sistema é difícil e desinteressante.

Além das ferramentas de proteção do próprio sistema, diversas empresas desenvolvem programas de proteção para o Windows, inclusive gratuitos.O Windows é um sistema fechado e com um tempo de resposta para atualizações de segurança menor do que o Linux. Para existir algo nesse sentido, primeiro alguém precisa detectar a brecha no sistema e resolver enviar o problema para a Microsoft. Após receber mais do que uma queixa o suporte procura verificar o que está ocorrendo.

Após a constatação da falha, finalmente se começa a trabalhar na solução. Parando por um momento para pensar, imagine quanto tempo pessoas mal-intencionadas tiveram para agir enquanto todo esse processo é desenrolado. Além disso, o sistema de permissões e segurança do Windows está longe daquele existente no Linux.

O Windows conta com ferramentas para combater e prevenir infecções.Praticamente todo usuário utiliza o Windows como administrador, pois de outra forma seria quase impossível aproveitar os recursos do sistema. Adicionalmente, o controle de usuário é desativado pela maioria das pessoas por ser incômodo e pouco eficiente. Ainda assim, a Microsoft reconhece que o problema existe e não deixa por menos.

A própria empresa disponibiliza uma série de ferramentas de proteção (antivírus, firewall, etc.) e, várias outras companhias desenvolvem e atualizam bases de dados de programas para garantir a segurança do SO, inclusive com versões gratuitas para tal.


Round 9 : suporte

A Microsoft possui uma central de suporte para esclarecer dúvidas e problemas de seus usuários.Se você é um usuário do Windows e tiver problemas técnicos é possível contar com a central de suporte online, por telefone ou guias rápidos de ajuda disponíveis a partir do próprio SO. As versões mais recentes (Vista e Windows 7) também possuem um sistema de verificação do problema. Ao acessar esse recurso, ele automaticamente busca as possíveis causas do problema e apresenta algumas soluções a fim de tentar resolvê-lo.

O Linux possui toda uma comunidade de desenvolvedores dispostos a ajudar.O suporte formal para Linux existe, porém normalmente é cobrado, pois é feito por empresas terceirizadas ou donas de distribuições pagas do sistema. Entretanto, por ser um software de código aberto e adotar tal filosofia, como já foi citado em outros tópicos, o que não faltam são programadores e usuários envolvidos no projeto.

Portanto, sempre que você estiver com problemas ou dúvidas, é possível recorrer a um dos milhares de fóruns de discussão do sistema e procurar ajuda de técnicos e outros usuários. Além disso, há pessoas que fazem guias e tutoriais e os disponibilizam para ajudar a resolver dúvidas, fazer configurações, entre outras finalidades.


Round 10: multiusuários

O Linux possui suporte multi-usuário.O Linux foi desenvolvido para conseguir lidar com acesso concorrente. Ou seja, ele permite que mais do que um usuário esteja conectado no sistema ao mesmo tempo, sem que um deles seja desconectado.

O Windows Server oferece suporte multi-usuário.O Windows, por outro lado, oferece suporte para operar com um usuário por vez. Embora você possa ter acesso concorrente à base de dados, o sistema em si não consegue suportar acesso simultâneo. Você pode ter mais do que um usuário, mas não em acesso concorrente. Entretanto, se você precisa dessa ferramenta utilizando Windows, é só instalar o Windows Server.

A versão para servidores do Windows oferece suporte completo para multiusuários, embora não seja aquela que costuma ser utilizada em computadores pessoais.


Round 11: preço

O Linux, assim como os softwares do Projeto GNU, foi desenvolvido para oferecer uma alternativa aos softwares proprietários. Ele é um sistema de código aberto e distribuído sob a GPL, ou seja, qualquer um pode obtê-lo, fazer alterações e redistribuir, desde que disponibilize o código.

O Windows é muito caro.Embora existam versões pagas do Linux, a grande maioria da distribuições é completamente gratuita e oferece diversas formas para sua aquisição. Você pode efetuar download das imagens muitas vezes na própria página do responsável por ela sem qualquer custo. Adicionalmente, é possível efetuar alterações para adaptá-lo conforme suas necessidades.

Acima de tudo, você tem a liberdade de repassar uma distribuição de Linux gratuita para seus amigos sem cometer pirataria de software.

O Windows é um software de código fechado e proprietário. O preço para aquisição de uma versão do SO já foi algo que se pudesse considerar muito caro e complicado para um usuário de computador pessoal. Embora a Microsoft tivesse criado algumas versões mais básicas do XP, por exemplo, o preço continuava elevado.

O Windows 7 possui versões mais simples para usuários com preço acessível.A partir do Vista, a Microsoft começou a lançar versões com preços mais próximos à realidade de um usuário final brasileiro. Como característica principal, elas possuíam menos recursos avançados e de efeitos (como o Glass, que não está disponível na versão Home Basic do Vista).

Entretanto, com o lançamento do Windows 7, o preço do SO no mercado já está bem mais baixo. Mesmo as versões Premium e Ultimate possuem o valor bem abaixo do que costumava ser anteriormente. A versão básica do Windows 7 pode não ser “extremamente barata”, mas é considerada acessível, mesmo por um usuário de computador pessoal .


Round 12: opinião dos usuários

Nada melhor do que a análise dos usuários para concluir este verdadeiro duelo entre sistemas operacionais. Independente de você levantar a bandeira do Linux ou do Windows deixe sua opinião nos comentários:


Fonte: Baixaki Tecnologia
   


   


   ;


36 comentários

Guilherme William disse...

Cara, você não veio aqui em casa e pegou minhas postagens da semana Linux não? Você falou de tudo que eu ia falar, tudo mesmo... Até os tabus de que o Linux é difícil de usar, a compatibilidade, preço, drives...
Entrei no desespero agora! Vou ter que mudar tudo! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!

ntmg disse...

O linux Ubunto em agregação a windows server via likewise ainda trás algumas dificuldades, agora o Linux Zentyal server agregar o windows é em dois segundos, o linux vai se tornar lentamente em crescimento exponencial, e as inumeras vantagens sobre windows. Viva ao linux e aos seus desenvolve dores.

meugadget disse...

Linux é 100%. Windows é exploração.

Anônimo disse...

Quero facilidade, agilidade, next next next. Não inumeras linhas de codigo só para instalar meu Crisys.

Anônimo disse...

prefiro linux para as tarefas basicas(internet, office, mp3 etc), so nao aposentei o windao ainda pelos jogos. um dia quem sabe os desenvolvedores olhem com mais carinho para a plataforma para eu poder abandonar o windows para sempre o/
agora uma coisa eu admito, o windows 7 me surpreendeu e muito, 'e um sistema mais enxuto e agil, bom gerenciameno de memoria, gostei bastante. ponto para a micro$of.

Luciano disse...

Quem gosta de Linux são os frustrados que não sabem mexer em Windows e acham mais legal passar meia hora digitando no Terminal do que dar apenas alguns cliques e resolver tudo. O 2 sistemas tem seus prós e contras nunca nenhum será perfeito e a concorrencia sempre saudável so tem a ajudar o usuário final pois cada vez mais as propostas serão melhores. So temos a ganhar com esta "briga". O que seria do vermelho sem o azul? Mas na minha opnião o Windows é o "cara" e muito tem inveja disso. Abs

Gustavo Valentim disse...

Windows??? Aboli 100% da minha vida...Talvez quando o Windows terminar a lição de casa e aprender com o Linux eu pense em ter um instalado. Mas não largo meu ubuntu por nada...E em relação a inumeras linhas de código pra instalar 1 jogo...Sério??? Ainda bem q nao vivo isso...Comecei no 95, passei por toda a familia Windows mais depois que decidi ficar com Linux, não me arrependo...

hitsugaia disse...

O MELHOR SISTEMA QUE MICROSOFT FEZ ATÉ AGORA FOI O 7. MUITOS NÃO SABEM QUE O WINDOWS 7 FOI FEITO SOBRE PLATAFORMA LIVRE. OU SEJA A PRÓPRIA MICROSOFT DIZ QUE OS SOFTWARES LIVRES SÃO MELHORES.
SÓ FALAM BESTEIRAS SOBRE LINUX QUE AINDA SENDO ZUMBIZADO E ENGANADO PELA MICROSOFT. ATÉ HOJE A MICROSOFT NUNCA FEZ UM SISTEMA GENUINAMENTE MICROSOFT, SEMPRE FOI BASEADO EM IDÉIAS E PLATAFORMAS DOS OUTROS. O QUE MUITO HÁ É MARKETING, COMO FOI COM A IBM HOJE É COM OS USUÁRIOS. ELES NÃO FALAM QUE COMPRARAM O LINUX OPEN SUSE PARA FAZER O WINDOWS 7. OU SEJA MAIS UMA VEZ COMPRAM O QUE É DE GRAÇA PARA VENDER AOS SEUS ZUMBIS....

Anônimo disse...

Por isso eu uso MAC OS

Anônimo disse...

por isso eu uso um SO que eu mesmo criei (:

Anônimo disse...

Por isso eu uso PÓ

Anônimo disse...

esse negocio de tecnologia ja esta muito obsoleto

Anônimo disse...

não sei porque dicutem de windows e linux se hoje em dia é muito melhor usar um SSD no PC do que esses dois, ainda mais se colocar fibra ótica ficara muito melhor, SO ja é coisa do passado, a tecnologia para PCs agora é SSD e fibra ótica!

Abração pessoal!

Glenn disse...

Só quem usa Windows são crianças grandes que ainda não sairam da infância e dependem de jogos no PC para se divertirem.
Linux é para homens de verdade.

Anônimo disse...

Não entendo nada de SO e por isso mesmo só uso o windows pois sempre vem instalado neles. No meu trabalho foi montado um laboratório de informática e todos e em todos eles foi instalado o linux. Tentei usar mas senti diferença simplesmente pelo hábito. Conheço os ícones do windows e isso me facilitava mas se eu utilizasse mais esse laboratório, também me acostumaria com o linux. O problema é que eu deixei de lado por um simples fato: como já disse, não entendo nada de SO ou de outra coisa de informática; sei ligar e desligar o pc apenas (rs). Fiz um documento no broffice mas não consegui salvar no pendrive. Pedi ajuda e conseguiram salvar mas quando fui abrir o documento no word, não consegui!

Acho que discutir qual é o melhor não interessa muito para a maioria da população tão leiga quanto eu.

O importante mesmo era fazer com que houvesse algum tipo de intregração desses sistemas para beneficiar a todos. Seria muito bom se eu pudesse fazer um documento no linux e depois se eu quisesse modificar alguma coisa, utilizasse o windows, como diz num comercial aí da vida, "simples assim."

Anônimo disse...

Sou programador e estou no ultimo ano de Sistemas de Informação quando eu quero usar meu computador eu não quero dor de cabeça, quero facilidade. Por isto sempre uso o Windows, depois do Seven aposentei o linux de vez. Só vou voltar quando o Google lançar o Chrome.Mesmo assim tem que ser uma coisa muito revolucionaria mesmo para mudar.

Anônimo disse...

O windows é fácil e prático,eu odeio admitir isso porque não gosto depender de uma coisa só mas...Linux está longe disso.
Eu dependendo sim de jogos,músicas e outros utilitários como word e power point e isso Windows me oferece mais facilmente do que Linux.
Quem é programador,o Windows é pior que Linux mas nem todos são programadores.

Anônimo disse...

Querem compara um Tiranossauro com um rato de laboratorio!!!

Quando Der pra instalar Photoshop, Corel ,Office 2010, Ligthroon, e todos os programas "Descentes" que podem ser instalados no Windows, e mais os Jogos, talvez eu pense na possibilidade de "Testa-Lo".

É como eu sempre digo, quando a licença do Linux custar R$ 500,00 ai ele podera ser efetivamente comparado ao Windows.
O mundo é capitalista onde oq presta custa caro, por mais que os demagogos digam ao contrario, e na informatica isso não é diferente, ninguem desenvolve alta tecnologia pra distribui-la de "graça" so por conciencia politicamente correta!
Dificilmente um Open Surce tera o mesmo nivel de funcionamento tecnico de um software pago!! Ou alguem ai consegue fazer no Gimp 1 centesimo doque pode ser feito no CS5??

oskr disse...

nossa quantos comentarios, bem eu utilizo dois sistemas no meu computador (win 7 e ubuntu 10), na verdade não sei qual uso mais, hoje linux está facil, mesmo para aqueles que podem ser considerados leigos, uma vasta gama de programas podem ser encontrados no adicionar/remover programas no painel de controle do ubuntu, existem sites como o baixaki que possuem varios programas tmbm, sou tecnico, me deparo com probleminhas com windows e linuz, mas existe uma coisinha chamada PESQUISA, se as pessoas utilizassem a internet para pesquisa e naum para orkut, msn, e sites porno, o google esta cheioo de dicas para qualquer usuario de qualquer sistema, e com certeza os mesmos que dizem que linux é uma bosta, naum possuem conhecimento nenhum em windows tmb, acham que só prq sabem instalar algumas coisinhas, e fazer alguns truques como deixar o windows pirata original, sao tecnicos ou crackers, acreditem a maioria das burradas que eu pego para arrumar sao desses bambambans , entaum naum digam que um sistema é ruim, soh prq naum sabem, ou tem preguiça de saber, mas msmo assim digo Amém para essas pessoas, prq eu assim como outros cobram tao caro pelas burradas que vcs fazem!

Josué disse...

Eu até que tentei usar o Linux, cheguei até instalar o Ubuntu, mais por curiosidade, mas desinstalei logo em seguida e nunca mais mexi o Linux, quem sabe um dia.

Anônimo disse...

boa oskr

burrice dos usuarios nos favorecem

vamos botar o preço de manutenção nas nuvens para o pessoal se ligar, deixar de usar um windows pirata, ou aprender a usa-lo assim como nos tecnicos sabemos

ah! to falando mau de quem compra windows pirata? não, tem alternativas para isso, use linux, ou faça como eu, tenho windows pirata e linux ubuntu ORIGINAL, no windows pirata, quando aprendi a mexer, jamais peguei virus...

pro meu trabalho, é melhor que ninguem use linux, e de preferencia windows pirata e sem antivirus, acesse orkut, MSN, sites de crack de jogos ou pornografia, se não, vou perder boa parte do meu ganha pão, fazmerir ne galera eeeeeeeeeeeeeeeeeeebaaaaaaaaaaaaaaaa

Anônimo disse...

windows foreverrever

Anônimo disse...

linuxxxxxxxxxxxxxx
LINUX ;D

Anônimo disse...

Sempre Linux!

Anônimo disse...

Sempre linux...

Anônimo disse...

Interessante o que um monte de cara está falando, no post, lá no topo, mas precisamente no Round 4 acredito que é dito que o LINUX TEM INTERFACE GRÁFICA (ícones, papel de parede, barra de menu muito mais intuitiva por ordenara os programas por tipo e descrição em ordem alfabética...).
Não sei porque um monte de gente ainda diz que precisa de terminal.

Já usei muito terminal (Telinha preta para esse leigos windianos) no Linux, mas isso foi em 1900 e lá vai bomba, hoje, com o crescimento das comunidades GNOME, KDE.... é desnecessário para os usuários comuns (aqueles que não são técnicos em informática e não precisam usar ping, ifconfig e etc...).

Se vocês querem Jogos para Linux (o que nunca me fez falta embora haja uma infinidade), cobrem das empresas que os desenvolvem, elas tem obrigação de atender seus clientes. OpenGL SEMPRE existiu para linux (inclusive é o que vem como Default) e DirectX já existe.

Anônimo disse...

nk,kk

Anônimo disse...

O histórico mostra que sempre houveram necessidades diferentes a usuários diferentes na existência de sistemas diferentes criado por empresas/pessoas diferentes e essa batalha parece que não terá fim, e talvez até não tenha mesmo, pois tanto o ser humano e suas necessidades, assim como as tecnologias estão em constante processo de evolução e isso impede de se homogeneizar as coisas. Gamers? vão preferir o Windows, aos que buscam segurança e liberdade, preferirão Linux e outros, talvez por motivos de qualidade, preferirão Mac OS. Imagino que seria uma experiência completa, o contato com esses três ou até mais sistemas, pois assim não se vive em apenas um mundo, e com isso é possível extrair e se adaptar ao que for considerado melhor, pois querendo ou não, cada sistema tem uma particularidade considerara pelo usuário mais vantajosa do que outra, seja apenas o visual ou seja por facilidades de uso e etc. Talvez essa interação como um todo, seja inacessível a muitos, mas após essa experiência, com certeza estaremos mais embasados e sólidos em nossas opiniões.

Anônimo disse...

BEM, ANDEI OBSERVANDO OS COMENTÁRIOS ORIUNDOS DA FERRENHA "BATALHA" ENTRE WINDOWS E LINUX, E A CONCLUSÃO QUE SE PODE CHEGAR É QUE NÃO EXISTE SISTEMA OPERACIONAL PERFEITO, E ACIMA DE TUDO, HAVERÃO SEMPRE VANTAGENS E DESVANTAGENS EM RELAÇÃO A ISSO, EU PARTICULARMENTE PROCURO ME ADAPTAR TODAS AS NECESSIDADES, PARA NÃO FICAR PRESO E/OU DEPENDENTE DE UM DETERMINADO S.O (OU FICAR CRITICANDO UM OU OUTRO), ISSO TAMBÉM SE APLICA AOS S.O's MOBILE (COMO ANDROID E IOS), FRANCAMENTE, A REALIDADE É A SEGUINTE:
-COMPUTADOR SEGURO É AQUELE QUE ESTÁ SEMPRE DESLIGADO E COM O CABO DA REDE OU MODEM 3G DESCONECTADO, ALÉM DE INTERRADO NO MAIS PROFUNDO DOS PORÕES, E QUANTO AO ENTRETENIMENTO, SEI COMO OBTE-LO NO MAC OS, LINUX E NO TÃO CRITICADO WINDOWS,MESMO NÃO SENDO PROGRAMADOR ACREDITO TER GRANDE EXPERIÊNCIA EM AMBOS, E NÃO TENHO DIFICULDADE ALGUMA EM UTILIZÁ-LOS E/OU INSTALÁ-LOS, POR FIM, EM SE TRATANDO DE CUSTOS, LICENÇAS DE SOFTWARES SÃO REALMENTE MUITO CARAS (AO MENOS PARA UM PAÍS EM DESENVOLVIMENTO), NÃO SERIA EXORBITANTE SE MORÁSSEMOS EM PAÍSES EUROPEUS GANHANDO BEM....

GRANDE ABRAÇO A TODOS!!!

Anônimo disse...

O Windows é muito caro!!!
Maaaaiiiiiisssss a comunidade Hacker ta ae para nos ajudar!!!!
Isso não tem preço.
kkkkkkkkkkkk
Parece até propagenda de cartão de crédito.

Anônimo disse...

POR EU USO MAC

Mykel Avril disse...

O engraçado que ao falar de Linux todos são incluídos, o que um tem o outro tem também, simultaneamente todos tem o mesmo nível e quando se trata de Windows devemos levar em consideração as mais variadas versões! um exemplo ao falar de segurança o usuário Win diz q o 7 é mais eficaz e quando se trata de linux a segurança é a mesma em todos seja qual for a distribuição. Acho q o windows é individualista de mais e seus usuários também, muitos deles teme a novas experiencia, isso que os deixam estagnados no tempo! Posso afirmar que o Linux mudou mais e para melhor em menos tempo que o Windows por causa desse capricho bobo de usuários MS. Eu uso os dois e confesso somente tenho o windows por causa da Adobe.

Thiago disse...

Eu sempre usei Windows Vista nos meus computadores.Quando eu comprei o meu Notebook, ele veio com o Linux,mas nem tive tempo de usa-lo muito,porque a minha irmã queria que eu ficasse com o Windows.Mas estou pensando em colocar o Linux de volta,porque maioria dos comentários falam apenas coisas boas.Por mim o Linux é 10 vezes melhor do que o Windows.LINUX ESTOU DO SEU LADO!!!

admin disse...

Linux Pra quase tudo =)
Windows Pra Jogos ;D

Se podemos usar os 2... porque nao usar? pegando o bom de cada um ;D

Anônimo disse...

Windows wins! Flawless victory! FATALITY!

Anônimo disse...

Olha não existe nenhum SO ruim por que eu prefiro

Windows e linux

Windows and linux Wins! Draw! (draw quer disser que os lutadores vencerão)